Plano de aula inglês 6ºano -Produção de fichas informativas de países (Habilidades BNCC)


Nesta sequência didática, serão trabalhadas a compreensão e a produção de fichas informativas de países, além da identificação das características desse gênero textual.

Relação entre BNCC, objetivos e conteúdos


OBJETOS DE CONHECIMENTO
  • Construção de repertório lexical
  • Construção de autonomia leitora
  • Partilha de leitura, com mediação do professor
  • Planejamento do texto: organização de ideias
  • Produção de fichas informativas com a mediação do professor

HABILIDADES
(EF06LI08) 
Identificar o assunto de um texto, reconhecendo sua organização textual e palavras cognatas.

(EF06LI09) 
Localizar informações específicas em texto.

(EF06LI12) 
Interessar-se pelo texto lido, compartilhando suas ideias sobre o que o texto informa/comunica. 

(EF06LI14) 
Organizar ideias, selecionando-as em função da estrutura e do objetivo do texto.

(EF06LI15) 
Produzir textos escritos em língua inglesa (histórias em quadrinhos, cartazes, chats, blogues, agendas, fotolegendas, entre outros), sobre si mesmo, sua família, seus amigos, gostos, preferências e rotinas, sua comunidade e seu contexto escolar.

(EF06LI17) 
Construir repertório lexical relativo a temas familiares [...].

OBJETIVOS DE APRENDIZAGEM
  • Reconhecer a organização textual e a finalidade das fichas informativas.
  • Obter informações básicas sobre alguns países, incluindo línguas e nacionalidades.
  • Aprender mais sobre algumas cidades, regiões ou estados brasileiros e produzir uma ficha informativa em inglês sobre um desses lugares.
  • Identificar palavras cognatas.
  • Inferir o significado de palavras desconhecidas pelo contexto.
CONTEÚDOS
  • Leitura de fact files de países ou regiões do mundo
  • Compreensão de texto
  • Produção de texto
  • Ampliação do léxico relacionado à área de Geografia

DESENVOLVIMENTO
Tempo estimado: 3 aulas de 50 minutos cada uma

Aula 1 

Materiais e recursos
Uma cópia impressa de ficha informativa do Brasil (uma para cada grupo de 4-5 alunos) ou a imagem projetada para o grupo todo.

Procedimentos

Atividade 1
Alunos: turma como um todo
Tempo estimado: 10 min

Começar a aula perguntando aos alunos quais informações seriam relevantes para um estrangeiro que desejasse saber mais sobre o Brasil e onde eles acreditam que se possa encontrar essas informações (enciclopédias, sites governamentais etc.). Reservar alguns minutos para que eles compartilhem suas ideias e registrar algumas ideias no quadro, se julgar pertinente.

Atividade 2
Alunos: grupos de 4-5 integrantes
Tempo estimado: 30 min

Distribuir uma ficha informativa do Brasil impressa e pedir aos alunos que a observem rapidamente para que possam se familiarizar com sua organização e características visuais. 



Fazer uma ficha de gênero como a sugerida abaixo no quadro e pedir aos alunos que a reproduzam em seus cadernos para guiar a leitura inicial das fichas informativas e para que as características do gênero fiquem registradas. Dependendo do seu grupo de alunos, sugerir que respondam em inglês ou português.


Dica: se os alunos já estiverem familiarizados com o gênero textual perfil pessoal, você pode retomar com eles algumas caraterísticas desse gênero, dizendo que a ficha informativa de países é parecida com o perfil, pois traz informações resumidas e gerais, mas, em vez de se referir a uma pessoa, refere-se a um país. Essas fichas também podem ser chamadas de perfil de país.

Pedir aos alunos que iniciem a leitura identificando os cognatos. Fazer o registro dessas palavras no quadro (fact, official, name, federal, republic, form, government, capital, population, Portuguese, area, mountain). Com relação à mountain range, você pode sugerir a eles que, com base no cognato mountain e nas informações que aparecem na frente dessa expressão (Serra do Mar, Serra do Espinhaço) que infiram o significado (cadeia montanhosa, cordilheira) Perguntar sobre os números e ao que eles se referem (por exemplo: 183,888,841 – population). Comentar sobre o uso da vírgula para marcar as casas decimais em inglês. Por fim, perguntar o que significam palavras como river, flag, money enfatizando que eles podem identificar o significado pelo contexto e pelas informações que aparecem no entorno dessas palavras.

Dica: para a atividade ficar mais interessante, você pode organizar os alunos em grupos e formar equipes para trabalhar como se fosse um jogo: pedir a um grupo para identificar uma palavra transparente, depois, para o outro grupo, alternando. 

Atividade 3
Alunos: turma como um todo
Tempo estimado: 10 min

Finalizar a aula perguntando, então, aos alunos em que outros lugares podemos encontrar fichas como essas (enciclopédias impressas e online, sites educacionais, de governos, livros de geografia etc.) e se acham que elas são formas boas de obter informações gerais e mais rápidas de um país ou uma região. 

Para trabalhar dúvidas

Se for a primeira vez que eles estão refletindo sobre características de um gênero textual, fazer o preenchimento da tabela com toda a turma, esclarecendo o que está se pedindo em cada item.
Visual aspects: dizer que alguns gêneros podem ser conhecidos apenas com uma olhada rápida e dê alguns exemplos: tirinhas, receitas culinárias, verbetes de dicionário etc. Salientar que o fato de já conseguirmos identificar um gênero só de olhar, nos ajuda na leitura e compreensão, pois criamos uma expectativa do possível conteúdo.
Author: saber quem possivelmente escreve os textos pode ajudar a leitura, pois também cria uma expectativa em relação ao que vai ser lido. 
Possible readers: o público que o texto pretende atingir, em geral, tem um grande impacto na forma com que o texto será escrito. 
Objective: talvez o mais importante para o leitor saber são os motivos que levaram à produção do texto.
Media: o meio onde o texto será publicado pode alterar bastante as características dos textos e influenciar sua leitura. 
Context: Quando foi escrito? Onde? Ou qualquer outra informação do contexto socio-histórico cultural que ajude a entender as motivações do autor para escrever e que ajudem a interpretar o texto.

Avaliação
Durante a atividade, circular pela sala para auxiliar e registrar a participação e progresso dos alunos. Fazer um X para cada resposta afirmativa. Ao final da aula, você poderá ter uma noção do aproveitamento de cada aluno. 


Aula 2 

Materiais e recursos
Uma ficha informativa de país impressa por grupo. Sugerimos enfocar não apenas países que têm o inglês como primeira língua. 

Procedimentos

Atividade 1
Alunos: turma como um todo
Tempo estimado: 5 min

Iniciar a aula retomando com a turma algumas das características das fichas vistas na aula 1. Você pode projetá-la e pedir aos alunos que digam algumas das características, com base nas anotações que fizeram no caderno.

Atividade 2
Alunos: grupos de 4-5 alunos
Tempo estimado: 30 min

Pedir aos alunos que se organizem em grupos e distribuir a ficha impressa de um país diferente para cada grupo. Explicar a eles que devem ler as fichas de modo a identificar as informações mais relevantes. 

Explicar aos alunos que, em grupos, eles devem conversar sobre o país, tentando compreender as informações apresentadas ou elencar com eles, no quadro, algumas perguntas. 

1. Where is it? (Continent)
In the Americas.*

2. What’s its capital?
Kingston.

3. What’s the official language?
English. 

4. What’s its currency? 
Jamaican dollar.

5. How big is it?
10,992 square kilometers.

6. What’s its population?
2,930,050

Pedir a eles que listem as nacionalidades referentes a cada país e as registrem em seus cadernos. Caso essa informação não esteja disponível nas fichas trabalhadas, sugerir que façam pesquisas em dicionários ou na internet, se possível.

Atividade 3
Alunos: grupos de 4-5 alunos (reorganizados)
Tempo estimado: 15 min

Pedir, então, que troquem de grupos e, em duplas, conversem sobre os países que leram, trocando informações. No final da aula, sugerir que alguns alunos compartilhem o que aprenderam com a turma.

Na aula seguinte, os alunos irão produzir fichas informativas sobre cidades, regiões ou estados brasileiros. Você pode decidir com eles quais lugares enfocar ou, ainda, decidir com o professor de Geografia, para que possam realizar um trabalho integrado. Além disso, você pode pedir aos alunos que pesquisem previamente sobre determinados lugares, ou eles podem realizar uma breve pesquisa durante a aula seguinte, utilizando livros de geografia disponíveis ou a internet, se disponível.

Para trabalhar dúvidas

Se os alunos tiverem dificuldade em localizar as informações e em responder às perguntas, você pode orientá-los a observar a ficha da aula 1 e a localizar as palavras cognatas em cada ficha nova, a observarem o contexto e a conversarem com colegas sobre o significado de outras que não saibam. Caso seja necessário, eles ainda podem consultar um dicionário bilíngue, se estiver disponível.

Avaliação

Você pode fazer as seguintes perguntas aos alunos, como forma de realizar uma avaliação geral desta aula, e ir anotando algumas ideias no quadro.

1. Vocês leram fichas com informações de quais países?
2. Vocês podem citar uma informação interessante sobre algum dos lugares pesquisados pelos colegas? 
3. Que dúvidas vocês têm sobre as fichas que leram?

Aula 3

Materiais e recursos
• cartolinas
• canetas hidrográficas
• mapas e bandeiras dos estados brasileiros

O site de mapas do IBGE traz diversos tipos de mapas que podem ser baixados e impressos.

Procedimentos

Atividade 1
Alunos: turma como um todo
Tempo estimado: 5 min

Começar a aula retomando com os alunos as informações que constavam nas fichas informativas que leram. Se julgar pertinente, liste alguns itens no quadro.

Atividade 2
Alunos: grupos de 4-5 alunos
Tempo estimado: 30 min

Pedir aos alunos que se organizem em grupos de 4 ou 5 alunos e explicar que agora eles irão criar fichas informativas sobre locais do Brasil. Para isso, devem ter em mente as características desse gênero textual, vistas na aula 1. Explicar que o objetivo é passar uma ideia geral desse lugar, com informações geográficas básicas para, por exemplo, algum estudante estrangeiro que precise pesquisar sobre esse lugar no Brasil.

Cada grupo deverá ficar com uma cidade, região ou estado, conforme julgar mais pertinente para sua turma. Se eles já realizaram uma pesquisa com antecedência, comente com eles que devem decidir quais informações entrarão na ficha, os dados mais relevantes, os mapas, as imagens ou desenhos etc. Caso os alunos façam a pesquisa na sala de informática, você pode sugerir alguns sites, como este do IBGE.

Explicar aos alunos que, antes de produzirem a ficha nas cartolinas, eles devem fazer um rascunho ou, pelo menos, um esquema no caderno. Durante a produção, sugira a eles que peçam sugestões para outros grupos sobre melhorias no texto. Lembre-os da importância de revisar o texto, a localização das imagens, os mapas, antes de finalizarem o trabalho.

Atividade 3 + Avaliação Final
Alunos: turma como um todo ou duplas
Tempo estimado: 15 min

Expor os trabalhos na sala para que toda a turma possa ler e saber mais sobre os outros estados e regiões. Se houver tempo, pedir aos alunos que se organizem em duplas e escolham outro estado ou região (diferente daquele sobre o qual tenha pesquisado) e falem brevemente sobre esse local, com base nas informações que leram nas fichas produzidas pelos colegas.

Para trabalhar dúvidas

Se for possível, sugerir aos alunos que conversem com o professor de Geografia para obter mais informações sobre os locais pesquisados. Se julgar pertinente, realizar um trabalho conjunto com o professor dessa disciplina para ampliar a pesquisa e inserir outros dados nas fichas.


Avaliação

Avaliar a produção escrita dos alunos verificando se eles conseguiram respeitar as convenções do gênero textual. Algumas sugestões de itens para compor essa avaliação são:

1. A ficha informativa possui título?
2. A ficha apresenta a bandeira (quando pertinente)?
3. As informações principais da região estão na ficha?
4. A linguagem está clara, condizente com o gênero e apropriada ao público-alvo?

Ampliação

Em vez de trabalhar com apenas uma ficha para reconhecimento do gênero textual, trabalhar com vários exemplos. 

Decidir, de acordo com o nível da sua turma, se você vai conduzir a atividade em inglês ou português. Ao final, perguntar qual é a importância de saber essas informações e como isso pode afetar a escrita, a escolha do texto pelo leitor e a compreensão do texto.

1. What are the differences between an educational and a tourist country fact file?
The objective, the writers, the readers, the complexity etc. Educational websites present simple texts for students written by specialists or teachers to educate. A traveler’s website presents formal texts written by travel editors for adults to provide information that might be different between the traveler’s country of origin and their destination. 

2. How does it change the texts?
The educational texts are simple, short and have general geographic information. The traveler text is more complex and includes information that can be important for tourists from different countries (how to read addresses, business hours, electricity, embassies and consulates contact information, language, etc.). 



Além disso, como uma ampliação para a produção de fichas, sugerir que a turma seja organizada em seis grandes grupos para produzirem fichas informativas dos continentes: América, África, Ásia, Europa, Oceania e Antártida.

Em cada continente, com exceção da Antártida, eles podem incluir informações sobre alguns países localizados neles, como as nacionalidades e línguas faladas. Com relação à Antártida, esta pode ser uma oportunidade de eles ampliarem o vocabulário sobre a geografia de climas frios.

Avaliação final

Para esta sequência didática, sugerir aos alunos que se autoavaliem com o auxílio da ficha abaixo:


Recolher este instrumento e juntar com as outras avaliações feitas durante as aulas. Assim, você terá ferramentas para conversar com cada aluno e traçar planos para melhorar aquilo que precisa ou simplesmente elogiar e valorizar o que está indo bem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário